só a só (seul à seul)

Dispositivo interativo na web e instalação, 2002
Samuel Bianchini

Desenvolvimento informático: Reynaud Olry (web)
e Oussama Mubarak (instalação)
Para acessar o trabalho on-line: http://seul.dispotheque.org

 

 


To download this image in high definition (Tiff), click here


To download this image in high definition (Tiff), click here

só a só, Samuel Bianchini, 2002
Maintenance, exposição individual, École européenne supérieure de l’image, Poitiers, França, de 4 de Maio a 4 de Junho de 2010.
Fotografia: © Samuel Bianchini - ADAGP

 


só a só é um dispositivo interativo sonoro. A tela está escura; fora o cursor, nada nela é visível. Com a ajuda de um rato (versão internet) ou de um tela táctil (versão instalação), os gestos do espectador deslocam o cursor. Estes movimentos, de um modo espasmódico, reproduzem o som do grito e da batida de um jogador de tênis em plena ação. Grito cuja ambivalência deixa adivinhar a sublimação que o investe.
Ao princípio, sem referências, o gesto é hesitante, mas rapidamente o espectador percebe como produzir um novo grito e uma nova batida. O gesto repete-se. O grito, apesar de sempre ligeiramente diferente, repete-se também. Os sons respondem-se, mas esta troca vai revelar-se bem particular porque os gritos provêm sempre de uma mesma voz, de um mesmo jogador. O espectador joga sozinho. Só contra só.


 

 


To download this image in high definition (Tiff), click here